Oração do Desencalhe!!

maio 4, 2011

.: Poderosa Oração do Desencalhe :.

Oh Chiquérrima Deusa do Desencalhe,

Vós que sois a solução de todas as encalhadas,

Intercedei junto ao destino e

Não nos deixei ficar para titia.

Muito menos para tia-avó.

Oh grande batalhadora das baladas, reuniões e festas,

Concedei-me esta graça:

(Diga em voz alta!) UM MARIDO!

E que ele nunca tenha olhos,

Para qualquer baranga ou mal amada.

Ajudai-me a conquistar um bom partido.

E afastei de mim os galinhas.

Atendei o meu pedido com urgência.

Serei grata pelo resto de minha vida,

E levarei seu nome a todas que tenham fé.

ALELUIA! ALELUIA! ALELUIA!

(Autor desconhecido)

Encontrei essa poderosa oração numa revista, e resolvi dividir com vcs! Nossa Senhora do Desencalhe nos proteja sempre, amém!

 Espero que tenham gostado!

2011 bombando!

Beijos, beijos e beijos!

Anúncios

O dia dela!!

abril 27, 2011

Passando muito rapidinho:

1- Porque é impossível deixar de vir aqui desejar o que há de mais maravilhoso no mundo, pra dona do meu coração!

2- Porque a sua versão 2.5 é muito melhor, e mais completa que todas as anteriores!

3- Porque  acompanhar seu crescimento pessoal, suas conquistas profissionais, observar sua maturidade, tudo isso sem perder sua essência doce e serena, NÃO TEM PREÇO!

4- Porque eu te amo…muito mais do que é possível amar…e ao longo da nossa caminhada…quero seguir sempre assim: te admirando, te apoiando e te aplaudindo.

Te amo! Te amo! Te amo!

PS1: na foto…Doninha e Lulu…minhas irmãs de alma e companheiras da vida.

PS2: estou passando por um período de turbulência, e estou contando com a torcida de sempre.

PS3: leia mais sobre a Ivy, aqui: https://juzinhasoli.wordpress.com/2009/02/01/mas-quem-cantava-chorouao-ver-seu-amigo-partir/

Bjos, bjos e bjos!

Temporada 2011!!

janeiro 31, 2011

Caramba…que saudades do blog, de postar, de fofocar, de atualizar. Resolvi passar rapidinho pra saber como andam as coisas.

A vida do lado de cá, anda agitadíssima. Doismileonze mal comecou e já tem se mostrado um ano de intensidade máxima. Muita coisa acontecendo, muito trabalho, muitas novidades, muitas programacoes, muitos planos. Apesar de estar bem cansadinha com tanta movimentacao, eu confesso que to adorando essa fase e curtindo bastante. O mês de janeiro passou correndo e a tendência é que fevereiro siga na mesma linha.

Estamos recebendo a visita surpresa de uma pessoa muito querida. A Michelle, minha-prima-linda, está passando uma breve temporada no Brasil e é maravilhoso ter a presenca dela conosco. Pra celebrar a novidade estamos promovendo uma série de almocos, churrascos, nights,  idas ao shopping, programas de gordinha tensa, entre outros eventos. Reunir a primaiada novamente, não tem preco. 

No trabalho o ritmo continua pesado. Tem dias que eu simplesmente nao acredito na infinidade de atendimentos, relatórios e visitas domiciliares que eu tenho pra fazer. No final do dia, eu fico tao esgotada que só consigo pensar na minha cama. Uma série de mudancas estao prestes a acontecer por lá, e eu tenho pedido muita protecão ao Papai do Céu para que eu consiga me adaptar a nova realidade.

 Tenho tentado pensar a curto prazo nos últimos meses e isso tem me feito um bem danado. Tenho conseguido me organizar espiritualmente melhor, dessa forma. Por isso a vida tem seguido tranquila, sem grandes expectativas. Esse ano eu decidi que vou tentar levar tudo de maneira mais leve, fazendo minhas viagens, aproveitando minha família, curtindo meus amigos, meu sobrinho e me descobrindo.

Algumas breves novidades para o mês de fevereiro:

1) VIAGEM NÚMERO I: Pra comecar o ano com pé direito, nada melhor do que uma super vigem com a família (papai, mamae, irmaos, cunhados) pra renovar as energias. Melhor do que viajar com a família, é viajar com a família para o Rio, minha cidade maravilhosa, e o meu roteiro preferido no mundo inteiro. Vai ser um bate-volta, apenas 3 dias, mas tenho certeza absoltuta que a gente vai se divertir horrores.

2) VIAGEM NÚMERO II: Chegando do Rio, refaco as malas rumo a Buenos Aires, numa curta viagem de seis dias. Vai ser um pequeno tour veranesco, incluindo: hotel gostosinho, boa companhia, comprinhas, comidinhas, tango, alfajores, visitinha ao Uruguai, museus e passeios. Apesar de rapidinha, tenho certeza absoluta que essa viagem vai ser pra lá de especial.

3) VIAGEM NÚMERO III: Voltando da Argentina, sigo com as melhores amigas do mundo rumo a Pirenópolis, uma cidadezinha no interior de Goiás, cheia de cachoeiras, belezas naturais, artesanato de primeira qualidade, barzinhos charmosos, drinks deliciosos, para um final de semana perfeito.

depois venho contar como foi tudo…

…e por aí? Como está sendo o início do ano de vocês?

 Dizem que os anos ímpares são mais tumultuados. Será?!

Os meus melhores votos a todos em 2011…que tudo corra bem…nesse ano que se inicia!!

Beijinhos saudosos!!

PS: pra variar o texto segue sem revisao de conteúdo/gramatical.

Dedinhos cruzados!!

dezembro 30, 2010

Minha neguinha,

só pra te dizer que aqui em casa estamos todos em oração por você. Não precisa ficar com medo, porque Papai do Céu tá bem aí do seu ladinho cuidando muito dessa pequena. A cirurgia vai ser um grande sucesso e daqui a pouco você vai estar novinha em folha. Estamos todos mandando as melhores energias e te esperando aqui pra te dar muito colo. Conte comigo sempre!

Te amo tanto!

Beijinhos apertados!

In Natal!

dezembro 21, 2010

Estar em Natal…no natal…com os meus maiores amores…é priceless!!

Essa semana…o meu nome mudou para: Juliana Felicidade Plena Lima!

Papai do Céu…muito obrigada por tanta generosidade!

Um Excelente Natal pra todos nós!

Beijos apertados nos coração!

Existe vida após o término?!

dezembro 6, 2010

Quando a gente sai de um relacionamento longo, intenso e verdadeiro, costuma passar por um processo de reorganização pessoal que apesar de ser extremamente doloroso, é absolutamente necessário. No meu caso, o período se resumiu em algumas fases:

Fase I: A Fase do ESQUIZÓIDE-OBSESSIVO-PARANÓIDE

– sem dúvidas essa é a fase mais trash de todas. É nela que vários pensamentos suicído-maníacos-compulsivos vêm à nossa cabeça. Frases do tipo: 

…me desculpe, no momento eu não posso atender porque eu to indo ali pular de um precipício!

 ou

Doninha, quero que as minhas cinzas sejam enterradas ao lado de uma caixa de peppakakor!

ou ainda

Mãe, eu juro que vou entrar para um convento, virar celibatária e usar calcinhas bege broxante por toda a eternidade!

passam a ser freqüentes nos nossos diálogos. Nessa fase, ABSOLUTamente n-a-d-a nos consola. As lágrimas são incontroláveis e a única coisa que faz você se sentir melhor é: devorar uma caixa inteira de chocolates da Kopenhagem e COLO: dos pais, da irmã, das amigas, dos colegas de trabalho, da cachorrinha de estimação, da manicure, do atendente do Mc Donalds, e de quem mais tiver disposto a oferecer.

É um período no qual a gente ainda alimenta esperanças de volta, que todos os acontecimentos nos remetem à pessoa amada e que você só consegue recordar a parte boa do relacionamento. A gente fica sem vontade nenhuma de viver, de trabalhar, de encontrar pessoas. Infelizmente, a única solução é ter paciência e esperar o tempo cumprir o seu papel. No meu caso específico, esse período durou dois meses completos.

Fase II: A Fase do AGORA-EU-SOU-SOLTEIRA-E-NINGUÉM-VAI-ME-SEGURAR.

Depois de dois meses vivendo momentos de dor intensa, a minha ficha finalmente caiu. Sou solteira e preciso sair da fossa. Como eu já estava fora do mercado há muito tempo, precisei me atualizar. Fiz uma pesquisa intensa sobre o roteiro da pegação em Brasília, tudo isso pra tentar virar uma piriguete de verdade. Procurei os barzinhos da moda, as baladas da moda, os shows da moda, as músicas da moda, os drinks da moda, os flertes da moda e, principalmente, os caras da moda. Foi aí que veio a decepção: O Distrito Federal é uma selva! Existem 28326672121873923198233218632178 mil mulheres (lindas) para cada homem. Caras legais, solteiros, bem sucedidos, heterossexuais, que medem mais de 1,70 são artigos de luxo e disputados a tapa no mercado piriguetício.

As primeiras saídas foram tenebrosas. Você simplesmente não sabe o que vestir, o que falar, como agir, como dançar e quando um cara se aproxima você faz uma cara de quem acabou de cometer um homicídio triplamente qualificado e o coitado sai correndo de desespero. No meu caso específico, eu sempre me considerei um fracasso na arte da conquista (leia mais sobre isso clicando aqui). O problema é que pra se dar bem aqui na night do Planalto Central você tem que ser PHD nas disciplinas: “eu te quero e vou te ter”, “pode vir quente que eu estou fervendo” e “1,2,3 e já”. Como boa incompetente que sou, reprovei nas 3 ao mesmo tempo. Minhas amigas que já tem alguma experiência no ramo sempre me dão dicas, mas a falta de habilidade da pessoa é um grande problema. Diante da concorrência desleal as solteiras têm que aderir a critérios do tipo: tem todos os dentes na boca, e não fala CRAU-DIA, então tá valendo.

Apesar de nunca me dar bem na piriguetagem, eu considero essa fase extremamente divertida. A gente passa a conhecer pessoas novas, a morrer de rir com as amigas. Percebe que tá mais viva, que tomar biritinhas é tudo de bom, passa a ocupar 100% do tempo, que tem muito mais disposição do que imaginava. Aprende que ir até o chão é o melhor torneador pras pernas. Nessa fase eu enxerguei que assim como eu, existem outras 1892377617861 mil pessoas solteiras, que são extremamente felizes e que super apreciam a própria companhia.

Foi aí que eu saquei que minha vida não poderia se resumir ao meu relacionamento anterior.  Eu preciso viver novas experiências, e vejo que talvez o Dani não seja o único amor da minha vida. Pra seguir adiante, eu entendi que precisava me desligar um pouco mais do meu passado, dos contatos diários que eu ainda mantinha com o Dani. Foi super doloroso mudar o status do orkut, tirar as fotos dele do meu quarto, ignorar as ligações e não usar mais o anel de compromisso.Foi trabalho de formiguinha.  

Acho que a segunda fase é a mais instável de todas, você vai do céu pro inferno em segundos. As saudades do momento anterior e a euforia do momento atual provocam uma confusão mental absurda. A fase II dura de 3 meses a 1 ano dependendo do caso. Comigo eu acho que ela ainda não acabou.

Fase III: A-FASE-DAS-RECAÍDAS

essa fase ocorre simultaneamente, entre as fases II e IV. São aqueles malditos dias em que você dava tudo pra voltar no tempo, só pra ter ele pertinho outra vez, nem que fosse por algumas horas. Ela traz consigo as lágrimas, a dor e todo aquele saudosismo do que você viveu e do que gostaria de estar vivendo. Ela geralmente dura 1 ou 2 dias no máximo e apesar de a gente duvidar disso: EU PROMETO, ela passa.

Fase IV: A fase do SIM-EXISTE-VIDA-APÓS-O-TÉRMINO.

Essa é a mais recente. Passados 6 meses do fim eu me considero renovada. Tenho novos planos, novas vontades, novas idéias. Só agora eu consigo pensar na minha vida e no meu futuro longe dele. Eu e o Dani nunca brigamos. Mesmo com a traição, com a decepção, eu nunca levantei a voz, xinguei ou tratei ele mal. Nós ainda nos falamos com uma freqüência considerável, em média duas vezes por semana. Não foi fácil saber que ele está num novo relacionamento. Ele também teve os seus altos e baixos e me deu muita força nos meus momentos mais críticos. O Dani é muito especial e sempre vai ser. Sem dúvida, é um dos grandes e maiores amores da minha vida.

Felizmente, eu consegui passar por cima das mágoas e consigo levar somente a parte boa de nós dois, e o relacionamento foi repleto de coisas boas. A vontade de reatar foi superada, e o que eu sinto agora é um carinho indescritível por tudo que me remete a ele. Quero que ele seja feliz denovo, e que faça a nova namorada muito feliz também. Ele merece muito. Nós dois merecemos. Tenho muito orgulho de ter participado da história dele e tenho certeza que eu vou continuar participando de alguma forma.

É claro que essa divisão em fases é meramente ilustrativa. Eu consigo passar por todas elas em um único dia, mas o importante é que eu to me sentindo muito mais forte, pra recomeçar.

Fechar uma fase, romper um ciclo, se reinventar são processos extremamente desafiadores. Eu tive muita sorte em contar com a parceria das pessoas mais incríveis, sem as quais eu jamais teria conseguido. Encerro o ano, extremamente grata, por tudo que aconteceu. Com a certeza que entro em 2011 numa versão muito melhor de mim, do que a que iniciou 2010.

A vocês, meus amores mais lindos: o meu sincero agradecimento por terem contribuído tão ricamente pra que esse ano fosse incrível!

“Se chorei ou se sorri, o importante é que emoções eu vivi.”

Beijinhos estalados

Ju!

Absolutely, Soli!!

novembro 17, 2010

Na foto: os SoLi!!

Porque hoje eu to com uma vontadinha de me declarar e de dizer que vocês são a melhor parte de mim. Eu simplesmente não consegui, e jamais conseguiria ser, plenamente, feliz sem a presença diária de vocês. Obrigada por serem tão especiais, por tornarem meus sonhos reais e por deixarem a minha vida sempre tão cor de rosa.

Porque a melhor definição pra esse grupo aí em cima é: amor, na sua forma mais pura, mais sincera e mais verdadeira!

Porque eu começei a semana assim: cheia de amor pra dar!!

Beijinhos carinhosos da Ju =)

Porque comigo parceiro…

novembro 11, 2010

…Missão dada…é missão cumprida!!

Uma singela homenagem aquele que, na minha amadora opnião, foi o filme do ano. Roteiro, elenco e produção: impecáveis. Os excessos da primeira versão foram atenuados, a reflexão política está mais consciente, e apesar de ainda ter a sua pitada de facismo, ineditamente, o segundo filme é bem melhor que o primeiro. Ponto pro Padilha!

Papai do Céu abençoe o WAGNER-TCHUTCHUQUÍSSIMO-MOURA, que além de ser (sem a menor sombra de dúvidas) o melhor ator da sua geração, é oitava maravilha do mundo contemporâneo. Se eu tenho uma queda por ele?!

I-MA-GI-NA!!

e os senhores?

1) Humm também adorei o filme. Já assisti duas vezes. Humm também tenho uma super queda pelo Coronel Nascimento.

2) Detestei o filme. Continua facista, fazendo apologia a violência e  mostrando uma visão unilateral dos fenômenos sociais. Quanto à queda pelo Wagner Moura, sim eu preciso admitir que eu também tenho!

3) Filme normal. Não achei nada demais. Serei, obrigada a concordar, entretanto, que o Cel. Nascimento é o oitavo pecado capital.

4) Nenhuma das anteriores.

Perguntas tendenciosas? I-MA-GI-NA!

Bom restinho de semana pra gente…Feriado à vista…uhúuuu!!

Bjos bjos e mais bjos!!

Viver ou Juntar dinheiro?!

novembro 4, 2010

Recebi este texto hoje por email, e nunca um autor conseguiu expressar tão bem a minha relação pessoal com o dinheiro, como o Gehringer. Por isso resolvi postar por aqui pra compartilhar com vcs. Espero que vcs gostem. Que se identifica levanta a mão?!

Aí vai: 

Viver ou Juntar dinheiro?

Por: MAX GEHRINGER

 Li em uma revista um artigo no qual jovens executivos davam receitas simples e práticas para qualquer um ficar rico. Aprendi, por exemplo, que se tivesse simplesmente deixado de tomar um cafezinho por dia, nos últimos quarenta anos, teria economizado 30mil reais. Se tivesse deixado de comer uma pizza por mês, 12 mil reais. E assim por diante.
 Impressionado, peguei um papel e comecei a fazer contas. Para minha surpresa, descobri que hoje poderia estar milionário. Bastaria não ter tomado as caipirinhas que tomei, não ter feito muitas viagens que fiz, não ter comprado algumas das roupas caras que comprei.
 Principalmente, não ter desperdiçado meu dinheiro em itens supérfluos e descartáveis.
Ao concluir os cálculos, percebi que hoje poderia ter quase 500 mil reais na minha conta bancária. É claro que não tenho este dinheiro.
 Mas, se tivesse, sabe o que este dinheiro me permitiria fazer?
 Viajar, comprar roupas caras, me esbaldar em itens supérfluos e descartáveis, comer todas as pizzas que quisesse e tomar cafezinhos à vontade.

 Por isso, me sinto muito feliz em ser pobre. Gastei meu dinheiro por prazer e com prazer. E recomendo aos jovens e brilhantes executivos que façam a mesma coisa que fiz. Caso contrário, chegarão aos 61 anos com uma montanha de dinheiro, mas sem ter vivido a vida.

 “Não eduque seu filho para ser rico, eduque-o para ser feliz. Assim ele saberá o VALOR das coisas e não o seu PREÇO”
 Que tal um cafezinho?

PS1: a vida por aqui anda tão movimentada que eu mal tenho conseguido tempo pra respirar. Tenho muitas muitas novidades acumuladas e vou precisar de vários posts dedicados as fofocas dos últimos meses.

PS2: espero que esteja tudo indo muito bem…nesse restinho de ano…com todos vcs…que 2010 esteja seguindo saudável, alegre e tranquilo.

Beijinhos apertados e saudosos nos seus respectivos corações =)

A n° 1!!

outubro 18, 2010

Uma singela homenagem à Bel, minha amiga PHODA (sim, com PH!!), que ficou em primeiro lugar no concurso mais concorrido da história do Brasil (70 mil inscritos!!) e vai ser a servidora mais gata que o Ministério Público já viu. Porque além de ser o oitavo pecado capital, ela é um gênio!!  Tirar 9,9 numa redação do CESPE, não é pra qualquer um. E eu?! Eu sou só orgulho!! Parabéns amiga!! Você merece todo o sucesso do mundo e muito mais!! Que venham os cariocas!!

Foto 1 –  tirada em 2005 – Ivy, Bel e Ju: antes do roacutam, dos silicones, das lipoesculturas, da Kerástase, das drenagens linfáticas,  dos ácidos retinóicos, das luzes, das maquiagens lancôme e das tarjas pretas. Quando nós éramos  estudantes da UnB, sóbrias,  idealistas, gordinhas tensas, namorávamos pessoas peludas e  éramos extremamente felizes.

Foto 2 – tirada em 2010 – Papai do Céu abençoe a tecnologia!! Amém!!

Amo, amo e amo vcs!!